quarta-feira, 8 de abril de 2015

Meados de Abril

Lá vai ele
Aquele que mudou o rumo do meu caminho
Aquele que me fez inteira
Fez a mulher em mim florescer

Lá vai a pessoa
Que de tão errada
Foi a certa
E me mostrou quem eu posso ser

Lá vai ele ao longe
Quem fez eu me perder
Nos meus desejos
Enlouquecer na minha sandice

Lá vai a lembrança doce
 Das noites de amores
Em que me sentia completa
De tão feliz
Por tê-lo dentro de mim


Ana Carolina Alencar

sábado, 4 de abril de 2015

Bota Fogo



Ontem fui procurar meu namoradinho do Rio
E ele não estava lá
Foi procurar Cecília nas calçadas paulistanas

E no vazio do silêncio
Fiz a prece para que
Meu anjinho de olhos caídos
Se guardasse eternamente em mim
E a saudade desabotoar-se
Até a paz



Ana Carolina Alencar